Pilates auxilia na prevenção e tratamento da osteoporose.




Resultado de imagem para pilates

Cada vez mais comum, a osteoporose não é privilégio somente da 3ª idade. A doença, que tem como principais fatores de risco o sedentarismo, o tabagismo, o histórico familiar, a baixa ingestão de cálcio e a retirada cirúrgica de ovários sem reposição hormonal, está cada vez mais comum entre as faixas etárias de 30 a 35 anos.

De um modo geral, a osteoporose é caracterizada pela perda da massa óssea e a diminuição da resistência mecânica dos ossos por diversas causas, sendo as principais relacionadas aos desequilíbrios hormonais. As regiões do corpo mais atingidas são os quadris, os punhos e a porção anterior dos corpos vertebrais, que sofrem desgastes com simples inclinações repetidas do tronco para frente, gerando fraturas espontâneas.

Sinais e sintomas

A osteoporose é silenciosa e não apresenta sintomas. Em geral, o problema só é detectado em estado avançado, com a deformação de ossos que provoca dor crônica ou quando aparece uma fratura.

Fatores de risco

– Predisposição genética
– Envelhecimento
– Dieta pobre em cálcio
– Sedentarismo
– Abuso de álcool
– Tabagismo
– Menopausa
– Uso abusivo de remédios à base de corticoides
– Diabetes
– Disfunções na tireoide
A prática de exercício físico preserva a massa óssea, tanto por ação direta do impacto sobre o esqueleto, quanto por ação indireta, pela tração  realizada nos músculos através de exercícios de força.

O pilates é uma atividade que traz inúmeros benefícios para a saúde e que pode ser feita em qualquer idade, por pessoas de qualquer perfil. Mas a prática do pilates para a terceira idade, traz benefícios ainda mais importantes, ajudando a prevenir doenças, manter a saúde, a vitalidade, a energia e a disposição no dia a dia. Saiba como praticar pilates beneficia pessoas da terceira idade

Resultado de imagem para pilates idosos

Além dos benefícios proporcionados pela técnica, no caso da osteoporose, o Pilates auxilia também no tratamento da depressão, estresse, dores na coluna, incontinência urinária, hérnia de disco e algumas doenças neurológicas, como o Parkinson.

Alguns benefícios proporcionados pelo Pilates em pessoas com osteoporose são:

 -Aumento da flexibilidade;

 -Melhora na função articular;

- Melhora no alinhamento postural;

- Ganho de equilíbrio para prevenir lesões ou evitar padrões de movimentos incorretos;

-Oxigenação dos músculos e qualidade de sua função;

- Incorporação de consciência corporal, diminuindo os fatores de risco que podem levar a lesões;

- Diminuição da ansiedade e do nervosismo provocados pelo estresse e pelas tensões do dia a dia.

Entre no grupo de Whatsapp e tenha seu desconto para o Curso de Pilates para Idosos



Comente: