Pilates na hiperlordose cervical e lombar





Resultado de imagem para pilates cervical

Por se tratar de um método que desenvolve o corpo de maneira uniforme, o Pilates é totalmente indicado para o tratamento dos casos de desvios posturais.

Essas alterações da estrutura corporal acabam acentuando as curvaturas da coluna vertebral, tornando-a muito mais vulnerável às tensões mecânicas e lesões.

É aí que aparecem os desvios posturais, tais como a hiperlordose cervical, hipercifose dorsal, hiperlordose lombar e escoliose, e hérnias discais, que são reflexos do mal uso de várias outras articulações como as dos ombros, braços, quadris, joelhos, pés, e etc.

HIPERLORDOSE CERVICAL

A hiperlordose cervical é caracterizada pelo aumento da curvatura da coluna na região cervical, podendo ser flexível ou irredutível. Esse problema causa alterações anatômicas levando a um dorso curvo, encurtamento vertebral e até mesmo dificuldade em respirar, já que reduz a capacidade de sustentação da coluna vertebral e da expansão torácica. Para compensar a estrutura do corpo, e evitar dores e desconfortos, a cabeça é projetada à frente da linha de gravidade, ocasionando uma hiperlordose cervical.

HIPERLORDOSE LOMBAR

É um aumento anormal da curvatura lombar. Pode ocorrer dor nas costas principalmente em atividades que acentuam a lordose, ficar em pé por um longo período por exemplo, pode se tornar uma atividade muito desagradável. Ainda, em casos de desequilíbrio muscular importante, bem como ósseo, pode acontecer de o abdome ser projetado para frente, deixando a barriga saliente e acentuando significativamente as dores.

O pilates é uma técnica de reeducação do movimento, que trabalha e reequilíbrio muscular do corpo todo, e é composto por exercícios baseados na biomecânica da anatomia humana, restabelecendo e aumentando a flexibilidade e força muscular do praticante sem passar do limite do seu corpo, preservando a segurança nos movimentos e a efetividade deles em aliviar dores e não causar novas lesões e dores musculares e articulares.

Com ajuda daqui


Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui




Comente: